Ana Clara Cabral
Sou da terra onde canta o sabiá. Sou da terra de Gonçalves Dias!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário Textos FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
As flores têm cheiro de vida!


MAQUIAVEL NÃO ERA MAQUIAVÉLICO
Nicolau Maquiavel nasceu na Itália no ano de 1469 e faleceu no ano de 1527. Além de um grande pensador do Renascimento, Maquiavel também foi músico, historiador, poeta e diplomata.
De origem pobre, desde cedo se interessou pelos estudos e aos sete anos de idade começou a aprender latim. Após, passou a estudar ábaco e o grego antigo.
Muito cedo, com 29 anos de idade, ingressou na vida pública exercendo o cargo de Secretário da Segunda Chancelaria da República de Florença. Ocorre que a família Médici retornou ao poder e Maquiavel foi afastado da vida pública.
Assim, passou a dedicar seu tempo e conhecimentos à produção de obras de análise política e social.
A sua obra-prima da política “O Príncipe”, escrita em 1513, ficou conhecida em todo o mundo pela forma realista como o pensador italiano descreveu a atuação do governante, diferentemente do pensamento idealista de outros pensadores, como Platão.
Na referida obra, Maquiavel traçou o perfil e ideias do indivíduo que buscava o poder sem escrúpulos, o que acabou lhe rendendo o adjetivo de maquiavélico. Inspirou-se em César Bórgia, filho e ajudante de Alexandre 6º, que chegou ao papado, política e exército por meio da corrupção.
Na verdade, o intento de Maquiavel era mostrar o que acontecia na prática e jamais pregou ideias de corrupção e maldade, como alguns leitores e historiadores, que interpretaram mal sua obra, acabaram divulgando durante muitos anos.
A frase “Os fins justificam os meios” não foi escrita pelo autor, trata-se de um dito popular.
Para o filósofo, o líder deveria ter sabedoria, sendo perspicaz como a raposa e feroz como o leão, podendo fazer inimigos e promover punições, mas sempre visando atingir o bem comum.
A visão realista de Maquiavel sobre a política e o poder em sua época retrata e denuncia todas as mazelas, infelizmente, existentes no cenário político do nosso País.
“Na política, os aliados atuais são os inimigos de amanhã." Maquiavel
Ana Clara Cabral
Enviado por Ana Clara Cabral em 23/06/2017

Música: TRISTESSE - CHOPIN

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Ana Clara